emdefesadasarvores@gmail.com

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Em defesa da Avenida


fotografia de Margarida Bico

"Avenida da Liberdade – artéria principal de Lisboa – todos os canteiros destruídos, caldeiras vazias, árvores abatidas e não repostas, uma das mais belas colecções de palmeiras da cidade continua sem manutenção, lagos vazios e mutilados, calçada danificada."

Este texto foi retirado de um dos últimos apelos/ reclamações/ denuncias feitas pela Plataforma aos responsáveis pela gestão dos espaços verdes da Av. da Liberdade face ao preocupante estado de incúria em que se encontra o eixo urbano mais emblemático de Lisboa. 

Perante a falta de respostas e de soluções, A Plataforma em Defesa das Árvores lança hoje uma petição "Pela Atribuição à Avenida da Liberdade da condição de conjunto arbóreo ESTRUTURANTE do Corredor Verde de Lisboa e seu RETORNO à tutela da CML"
Que será entregue por nós ao Presidente da CML em nome de todos aqueles que a queiram assinar.